ESPAÇO ÁRVORE EXISTENTES NOS NOVOS BAIRROS NÃO PODE SER CONCRETADO

Nas calçadas dos novos bairros da cidade é de fácil visualização um local que não recebeu concreto. É que os novos conjuntos habitacionais que surgem no município têm que respeitar uma Lei Municipal que se refere ao “Espaço Árvore”, isto é, um espaço físico para que se possa realizar o plantio de árvores e cobertura vegetal rasteira (grama ou outras), com a finalidade de oferecer vantagens ao meio ambiente como aumento da infiltração da água no solo, reabastecimento do lençol freático, melhora da temperatura local, embelezamento da cidade, entre outros.

E esse espaço tem que ser respeitado. Mas não é isso que está acontecendo, principalmente no Jardim Cruzeiro, onde alguns moradores estão concretando esses locais. “O Espaço Árvore está enquadrado dentro de uma Lei Municipal e deve ser respeitado. Aqueles que não respeitarem estarão sujeitos a multas”, frisa a Coordenadora Municipal do Meio Ambiente, Tamiris Verjião.