VIGILÂNCIA SANITÁRIA REALIZA AÇÃO DE CONSCIENTIZAÇÃO DOS AGROTÓXICOS

A Coordenadoria Municipal de Vigilância Sanitária, juntamente com as Secretarias de Saúde e Agricultura e Meio Ambiente (AMA), realiza ações para conscientizar os produtores rurais sobre o manuseio correto dos agrotóxicos. As visitam iniciaram hoje pela manhã nos bairros do Quilombo e São Vicente.

A atividade tem como objetivo identificar o uso excessivo do defensivo agrícola em hortaliças e estufas.

De acordo com a Coordenadora de Vigilância Sanitária, Simone Gil a ação visa orientar os trabalhadores sobre o uso dos EPI’s (equipamento de produção individual) que incluem capacete, bota, luva, protetores auriculares, máscaras, entre outros. Os acessórios são de extrema importância para a proteção dos agricultores.

Além da ação prezar pela conscientização e orientação, as secretarias municipais pensam na saúde do trabalhador. Serão realizados exames de colinesterase para verificação de uma possível contaminação de agrotóxico no sangue, já que o uso é elevado.

A colinesterase são enzimas presentes nos organismos responsáveis pela degradação de uma substância chamada acetilcolina, um neurotransmissor responsável por controlar os impulsos nervosos para os músculos. Ou seja, o teste é um exame que verifica envenenamento ou o grau de exposição da pessoa a produtos tóxicos, como pesticidas, herbicidas ou adubos.

Gil relata que os exames serão totalmente pagos pela Vigilância Sanitária e Saúde. “Iremos até os sítios que realizam o uso dos agrotóxicos e analisaremos os pequenos produtores rurais. Vamos cadastrá-los para os exames serem realizados na Unidade Básica de Saúde”, declara a coordenadora.

você pode gostar também Mais do autor